Meu meio irmão fazia o cachorro lamber minha buceta

A parte ruim de viver numa casa de pais separados é que você passa a ter duas realidades. A minha realidade na casa da minha mãe era de uma família completamente conservadora que jamais aceitaria sua única filha ter relações sexuais antes do casamento, já na casa do meu pai um dia longe de bebida era um dia desperdiçado. 


Meu pai nessa época tinha um enteado que sempre considerei como meu meio irmão. Minha madrasta trabalhava com empregada doméstica o dia inteiro e meu pai tinha uma criação de codornas e galinhas motivo pelo qual ele passava o dia inteiro preparando ração. Eu ficava em casa sozinha com esse meu meio irmão emprestado. 


Moisés é 2 anos mais velho que eu. Até meus 13 anos de idade eu tinha de fato um irmão na casa do meu pai. Mas o tempo passou e seus desejos sexuais fizeram meu irmão esquecer que a gente se considerava irmão de verdade. Quando ficávamos sozinhos em casa ele tentava me beijar e agir como se fosse meu namorado. 


Moisés me chamava de amor e repetia comigo tudo aquilo que meu pai fazia com a mãe dele. Meu pai e minha madrasta saía muito cedo de casa e meu irmãozinho só ficava esperando eles saírem pra que ele pudesse vir pro meu quarto e deitar na cama comigo. Quando eu abria os olhos Moisés já estava ali ao meu lado me abraçando e tocando minhas tetas


Antes de levantar da cama ele pedia pra gente trepar um pouquinho e como eu gostava muito dele eu sempre aceitava. Quando eu abria os olhos ele já estava com sua mão na minha xoxota, ele pedia pra trepar pra que eu abrisse mais as minhas pernas e deixasse ele botar seu pau em mim. Ali me comendo em cima da cama ele ficava bombando dentro da minha xota até gozar. 


A gente sempre ia pro chuveiro logo em seguida pra tirar o leitinho dele de mim. No chuveiro o seu pau ficava duro de novo e ele me fazia chupar sua pica. Ele gostava de chupar minha buceta no chuveiro, ele falava que meu grelinho ficava maior e mais gostoso depois de molhado. Depois daquilo a gente ia tomar café e ficava assistindo tv o resto do dia. 


Durante a tarde a pica dele ficava dura de novo e ele me comia em cima do sofá, mas teve um dia que estávamos deitados no chão e nosso cachorro estava ali parado olhando, Moisés esporrou seu leite em cima da minha buceta e ficou tudo melado, quando ele saiu de cima de mim o cachorro veio direto pra minha buceta e começou a lamber


Eu ficava segurando a cabeça dele pra longe da minha buceta, mas era um cachorrão bem mais forte que eu e sempre voltava. Quando consegui afastá-lo o Moisés segurou minha mão me impedindo de espantar o cachorro. Ele pedia pra eu deixar o cachorro chupar só um pouquinho, mas ele mordia de vez em quando e doía. 


Meu irmãozinho tava ficando excitado de novo com aquilo e sua pica começou a ficar dura outra vez. Eu quis parar com aquilo e tirar o cachorro dali, mas ele me olhou com uma cara feia e disse que se eu tirasse o cachorro dali ele iria terminar comigo, não sei porque fiquei com medo daquilo, mas me calei e fiquei ali arreganhada enquanto o cachorro do meu irmão lambia minha buceta. 


O Moisés começou a tocar uma punheta assistindo aquilo, mas logo em seguida ele colocou sua jeba na minha boca e me fez pagar um boquete. Ele ria vendo aquilo, mas eu só queria que o cachorro me deixasse em paz. Depois de me fazer chupar ele expulsou o cachorro dali e foi conferir como minha xoxota tinha ficado. 


Tava tudo bem vermelhinho e tinha umas marcas de mordidas, ele se posicionou outra vez dentro da minha buceta e voltou a me comer. Ele ficou pouco tempo bombando dentro de mim e logo gozou. 


Fui correndo pro banheiro pra me limpar, desde esse dia meu irmão/namorado passou a botar o cachorro pra me lamber quase sempre, ele até gravava algumas vezes pra se masturbar quando eu estivesse na casa da minha mãe.


sexo com cachorro quadrinhos eróticos
By - Sheillaxv

Comentários