Não aguentei; tremi na piroca. I Contos Eróticos

Marquei de sair com o pirocudo do Tinder. Ele pediu pra comer meu cu e como eu não deixei ele meteu com força, meu corpo inteiro começou a tremer por causa da dor, mas ele não parava de meter. Ele cuspia no meu buraco para lubrificar, mas cada estocada que ele dava dentro de mim parecia que ia arrombar meu cuzinho. 

Eu tinha terminado meu namoro não fazia muito tempo. Estava querendo conhecer pessoas novas e acabei conversando com um cara, aparentemente ele só queria sair comigo para beber e como não morava muito longe de mim eu acabei aceitando. Marquei com ele num bar, bem público pra não dar merda. 


Na saída a gente já estava bem íntimo e dando uns amassos, mas nada muito além do que beijos e passadas de mão. Eu quis bancar a desapegada e de vez em quando passava a mão no seu pau por cima da sua roupa, quando ele me abraçava eu falava sacanagens no seu ouvido e ele me respondia dizendo que se estivessem em outro lugar; ele me partiria no meio. 


Levando sempre na brincadeira eu não imaginei que ele realmente pudesse fazer isso. Ele me convidou pra ir em sua casa e eu louca da vida o segui. Já cheguei em sua casa o beijando e sentando em seu colo sem nem imaginar o que estaria por vir. Grudada em seu colo ele me levou pro quarto e me jogou na cama.


Me deixando completamente nua ele foi dando chupões em meu corpo. Me colocou sentada e tirou sua piroca enorme pra fora da calça, pensei logo que seria um trabalhão pra minha buceta. Minha boca mal conseguia abocanhar tudo. Fiquei de 4 com o rabo bem empinado pra ele e o safado foi metendo devagarinho dentro da minha xana.


Minha buceta tava bem lubrificada e por isso naquele momento não doeu tanto, mas de vez em quando ele fazia de conta que iria meter dentro do meu cu, ele parava a cabeça do seu pau bem na entradinha do meu buraco e forçava. Doía pra caralho e eu recuava, mandava ele parar e ele voltava a comer minha xota. 


Ele foi aumentando o ritmo das estocadas dentro da minha buceta, tava tão rápido que suas bolas batiam com força do capô da minha buceta. Num movimento rápido ele tirou da minha buceta e meteu sem dó no cuzinho, gritei na hora e deitei esfolada toda aberta. Ele não parava de me comer, seu pau não saía de dentro de mim mesmo eu implorando


Meu cuzinho queimava, parecia que ia me estourar... Fui colocada novamente de 4 com ajuda de umas almofadas, involuntariamente  meu corpo começou a tremer com aquela piroca dentro de mim. Da cintura pra baixo parecia um vibrador, ele adorou me ver daquele jeito que até esporrou dentro do meu cu. Sua porra escorria do meu rabo esfolado enquanto ele acariciava meus peitos perguntando se eu estava bem, acabei pegando no sono ali sem roupa. 


No dia seguinte voltei pra casa ainda com o cuzinho ardendo, quando acordei ainda tinha um pouco de leite dentro da minha xota, provavelmente ele me comeu enquanto eu dormia e gozou dentro da minha buceta também. Fui pra casa sem conseguir sentar direito e com trauma de homem pirocudo, porém depende!

comendo cu contos eroticos
By - Sheillaxv

Comentários