Meu sogro fode mais gostoso I Contos Eróticos

Meu vizinho sempre foi meu namoradinho de infância. As pessoas sempre diziam que quando a gente crescesse nós iríamos namorar e foi justamente isso que aconteceu, eu era completamente apaixonada por ele, na verdade ainda sou; mesmo assim ainda escondo dele que seu pai é um tarado nojento.

Meu namorado mora sozinho com o pai, a mãe dele se separou quando ele ainda era criança porque meu sogro era muito galinha. Desde quando eu era criança eu sentia ele olhando diferente pra mim. Quando eu ia na casa dele brincar com seu filho ele ficava passando a mão em mim. Eu nunca contei isso pra ninguém, mas não era por medo dele, eu só não queria perder meu amiguinho. 


Quando a gente cresceu eu passei a frequentar mais a sua casa, as vezes eu ia para dormir e esse foi o momento que as coisas pioraram. Na casa dele só tinha um banheiro que ficava no quarto do meu sogro e eu tomava banho lá. Quando eu entrava sozinha o meu sogro aproveitava pra ficar me espiando no banho. Dava pra ver porque a porta fazia barulho e ele não escondia que estava ali. 


O jeito que ele ficava excitado por eu ser submissa daquele jeito era nojento. Eu morria de ódio, mas não podia falar nada, quando seu Bel sabia que seu filho estava ocupado com alguma coisa ele até tocava punheta enquanto me assistia tomando banho. Até então ele nunca tinha entrado ou tentado algo. 


Mas em um dia, meu sogro ficou muito bêbado e abusou de mim enquanto eu dormia. Meu namorado saiu cedo pro trabalho e eu fiquei no quarto dormindo. Estava no décimo sono quando acordei assustada com algo mexendo minha buceta. Quando abri os olhos eu peguei meu sogro me chupando. Minha reação foi xingar, mas ainda estava tão aérea que travei por uns segundos. 



Foi o tempo do meu sogro segurar minha cintura e chupar mais forte me impedindo de tirar sua cara das minhas pernas. Eu mandava ele parar a todo instante, até que minha voz começou a ficar mais fraca... já estava sussurrando quando troquei o ``para, por favor!``, pelo `` aí, que gostoso!``. Minha buceta piscando na boca do meu sogro e o sentimento de culpa tomava conta de mim. Eu fui a primeira mulher do meu namorado e ele não chupava tão bem como meu sogro.


Eu me entreguei e o deixei fazer o que quisesse comigo. O meu sogro safado me chupou inteira, faltou espaço pra sua língua percorrer em meu corpo, então ele se sentou na cama e pediu pra eu sentar em sua piroca gostosa. Bem devagarinho eu fui rebolando em seu pau, seu Bel chupava meus peitos enquanto eu quicava na sua pica. 


Sentei bem fundo até sentir suas bolas na minha bunda. Fechei os olhos pra aproveitar cada segundo daquela piroca e escutava meu sogro dizendo que sempre teve vontade de me comer. Ele ficava lembrando da época que eu era criança e eu sentava em seu colo pra ganhar um pirulito, ele dizia que me deixava bem em cima do seu pau e só me tirava depois de gozar na minha bunda, eu tinha esquecido desses momentos, mas quando lembrei; fiquei mais excitada ainda. 


Meu sogro me comia tão gostoso que eu não aguentei muito tempo e logo apertei seu pau com minha xota apertadinha. Gozei em sua piroca e vi meu melzinho escorrendo pelo seu pau. Meu sogro em seguida esporrou dentro de mim lambuzando mais ainda minha xota. O que escorreu no seu pau eu limpei tudo com minha língua e desde então passei a ter 1 namorado 1 um sogro amante que logo quis esfolar meu cuzinho e eu deixei. 

contos eroticos sogro
By - Sheillaxv

Comentários