Flagrei meu namorado comendo sua prima atrás do muro I Contos Eróticos

Quando eu comecei a namorar o Danilo vieram me falar que namorada de traficante era a favela toda. Eu boba não acreditei, achei que ele seria fiel. Até que veio a primeira traição e eu perdoei, na segunda eu tentei terminar, mas ele me disse que não e que seria fiel dali em diante. 



Voltei pra ele igual uma cadelinha domesticada. Aqui na minha rua sempre tem festas até de madrugada. Eu parei de ir quando comecei a namorar porque o Dan não gostava que eu fosse, mas ele sempre tava lá. Era nesse momento que me contavam que ele tava pegando alguém. 


Eu negava, tentava não acreditar naquilo porque era apaixonada por ele. O Danilo tinha uma prima que se chamava Bianca. Ele vivia pra cima e pra baixo com ela na garupa da sua moto, mas dizia que era coisa de família. 


Num paredão que teve aqui perto de casa eu flagrei ele comendo ela atrás do muro da minha casa. Já era tarde da noite quando eu levantei pra ir ao banheiro. Eu já tinha acostumado com o barulho então dormia de boa. Eu escutei um barulho vindo dos fundos e já tava pronta pra reclamar achando que era alguém que tava ali fazendo xixi.


Subi na laje pra dar o flagra, mas fiquei puta quando vi meu namorado colocando sua prima de 4 e fodendo a buceta dela quase dentro da minha casa. Eu fiquei tão boba com tudo aquilo que tive vontade de matar aquele homem, fiquei em transe só observando aquela cena. 

Ele negava tanto que não comia ela, mas estava ali trepando com aquela vadia como se a buceta dela fosse a xota mais gostosa do mundo. Milhões de coisas passaram pela minha cabeça, eu queria estar ali com eles, mas isso era tão errado.



Algo dentro de mim queria gritar e acabar com aquela putaria, mas a outra parte começou a sentir tesão. Ele comia a buceta dela com tanto gosto que eu acabei ficando com tesão também. Minha bucetinha piscava assistindo aquilo e eu me escondi atrás do tanque pra ter uma melhor visão. 



Meu namorado levantava a perna da sua prima e deixava apoiada na parede e fodia igual um animal excitado. Ele batia em sua bunda e a chamava de putinha. Ele perguntava se ela queria leite e ela respondia que sim. Ela pedia pra ele gozar bem no fundo e isso deixava ele louco. 


Eu conseguia ver os peitos dela pulando e ele tetando agarrar. Apesar da música alta eu conseguia ouvir o barulho das estocadas dele dentro da buceta dela. Ele puxava seus cabelos e fazia ela implorar pela sua pica. Aquela vadia estava prestes a gozar no pau do meu namorado e eu só sentia vontade de tocar uma siririca vendo tudo aquilo. 


Me masturbei com aquela cena, vi meu gozo percorrendo pelos meus dedos enquanto Bianca se deliciava gozando na pica do Danilo. Quando ele sentiu sua porra vindo ele fez ela se ajoelhar na frente dele e colocou só a cabecinha pra despejar sua porra na boca dela. 


A safada engoliu tudo sem deixar  uma gota cair pra fora. Depois eles foram embora largando o sutiã dela pendurado no muro, no dia seguinte eu guardei pra lembrar da cena e me masturbar sempre pensando nessa foda. Eu ainda namoro com ele e ainda assisto a foda dos dois.
fodendo hentai

By - Sheillaxv

Comentários