O Uber gozou na minha boca pra pagar a corrida

Tenho 20 anos, faço faculdade e ainda moro com meus pais. Sempre adorei sair, gosto de festas e tudo mais. Sempre pego uber, as vezes até encontro com uns gatinhos que dou em cima discretamente, mas nunca aconteceu de rolar nada. 


Nunca aconteceu até outro dia que bebi além da conta. Sempre gosto de me controlar quando vou pra festas, mas nesse dia eu me deixei levar pelo momento e enchi a cara. Saí a ponto de me carregarem pra dentro do uber. 

Assim que entrei ele foi super simpático, entrei na frente. Não lembro ao certo como eu estava, só me recordo de estar usando uma saia preta que estava super fora do lugar a ponto de conseguir ver minha calcinha.

O motorista do uber nem disfarçava ao olhar, ele simplesmente cravava os olhos na minha buceta que nem se preocupava com a estrada. Quando tinha semáforo ele só faltava me comer com os olhos de tanto olhar. 

Eu estava tão bêbada que nem conseguia ficar brava com  a situação, em um momento eu cheguei até a sentir tesão pelo fato dele estar me olhando daquele jeito. Quando minha buceta começou a piscar devido a excitação eu discretamente comecei a me tocar dentro do carro.

Estava de noite ainda e eu jurava que ele não conseguia ver eu me tocando, mas do nada ele me perguntou se eu queria ajuda com o que eu estava fazendo. Eu me assustei e tirei a mão rápido. Ele riu e disse que não precisava ficar envergonhada.

Tentei disfarçar e mudar o assunto, mas ele colocou sua mão em minha perna. Ficava fazendo carinho nas minhas coxas na parte de dentro. Aquilo me deixava arrepiada e com mais tesão ainda... até que ele ficou mais atrevido e tentou tocar na minha buceta.

Na hora tentei ser relutante e tirar sua mão, mas acho que o tesão falou mais alto. Deixei ele me tocar daquele jeito sem nenhum pudor. Ele ficava fazendo carícias no meu grelo que aquela altura já estava super duro de tanto tesão. 

Cada vez que ele me tocava eu abria mais as pernas pra facilitar as coisas. Estava me sentindo uma puta daquele jeito, mas adorando o que estava acontecendo. Ele conseguia sentir minha buceta encharcada do tesão.

Gozei gostoso nos seus dedos enquanto ele me dedilhava como se eu fosse uma puta barata. Ele tirou seus dedos de dentro de mim e estava super melados que até escorria. O motorista do uber passou na minha cara e  eu fiquei puta na hora por ter me lambuzado.

Quando fui brigar com ele por ter feito isso; ele forçou minha cabeça contra seu pau. Me fazendo descer. Ainda dirigindo o carro ele me colocou pra abrir o zíper e colocar seu pau pra fora. Fiz o que ele praticamente me obrigou com um pouco de relutância, mas confesso que tava doida pra fazer. 


Seu pau tinha uma cabeça enorme, era grande e tinha um cheiro forte. Cheiro de rola que passa o dia inteiro na calça. Quase não chupei, mas ele forçou minha cabeça e eu tive que deixá-lo enfiar seu pau dentro da minha boca. 

Respirei o mínimo e abocanhei aquele piroca. Chupei até o talo das suas bolas. Deixei tudo babado enfiando o máximo que podia na minha garganta. Ele gozou dentro da minha boca que nem avisou a hora. Quase me entalei de tanta porra que saiu. 

Tive que engolir pois ele não me deixava cuspir. Chegamos ao meu destino e ele nem me cobrou a corrida, o pagamento foi ter me usado e gozado em mim. 


contos eróticos


By - Sheillaxv

Comentários