Flagrei minha mulher sendo arrombada pelo meu amigo

Sou casado há 7 anos. Minha esposa é uma mulher muito atraente. Alguns dos meus amigos babam bastante por ela. Nunca liguei por essa atenção em excesso que ela recebia pois sempre acreditei na sua fidelidade. Até que um dia eu tive uma surpresa...


Eu estava viajando a trabalho, minha mulher estava em casa sozinha e eu pedi pro meu amigo Marcelo ir visitar minha mulher de vez em quando pra saber se ela estava precisando de algo. Ele é um negão boa pinta, solteiro. Malha sempre, tinha um corpo definido. 

Eu não sabia que o dia que eu voltasse ele estaria na minha casa. Na verdade minha mulher não sabia o dia que eu iria voltar e eu não quis contar pois queria fazer uma surpresa. Mas assim que cheguei em casa quem teve uma surpresa fui eu. 

Cheguei em minha residência tarde da noite. Umas 22 horas eu estava lá e assim que abri a porta percebi algo estranho, logo na garagem estava o carro do meu amigo Marcelo. Achei esquisito pois pedi a ele pra ir na parte do dia, mas pensei que tivesse tido algum problema e deixei pra lá.


Logo na sala vejo que tudo está fora do normal. Roupas masculinas que não eram minha estava dando sinal de que alguma coisa tava acontecendo ali. Estava prestes a chamar pelo nome da minha mulher quando começo a escutar uns gemidos leves vindo do quarto. 

Chego perto da porta e o volume aumenta. Não sei porque não fiz um escândalo logo quando cheguei e vi o carro dele na minha garagem. Mas próximo a porta eu tive uma visão completa do que estava acontecendo.

Deitada na cama com as pernas toda arreganhada estava a minha mulher. Meu melhor amigo estava ajoelhado no chão com sua cabeça enterrada na xoxota deliciosa da minha esposa. Ele chupava ela de um jeito que a mulher mal conseguia ficar calada. 

Ela gemia feito uma égua no cio enquanto aquele filho da puta chupava toda sua buceta com força que até fazia barulho. Eu fiquei transtornado quando vi aquela cena. Queria brigar, mas fiquei quieto só assistindo aquela pouca vergonha.

Quando parou de chupar ele colocou a vadia sentada na beirada da cama e a colocou pra chupar seu pau. Era tão grande que mal cabia tudo. Aquilo deveria me causar revoltar, mas eu acabei ficando foi com tesão. Meu pau duro mal se continha dentro da cueca. 

Tive que tocar uma punheta assistindo minha mulher chupar outro pau enquanto acreditava que o corno manso estava fora de casa. Eu assistindo tudo estava cada vez mais ereto por aquela situação. Ela chupava até as bolas e voltava pra cabeça do pau dele como se fosse o último picolé do mundo. 

Até que Marcelo colocou minha mulher de quatro na cama e começou a bombar forte na bucetinha gostosa dela. Minha mulher é uma delícia, mas tem uma bucetinha apertada que faz qualquer um ir a loucura. 

Ele bombava forte dentro dela que conseguia ouvir o barulho das estocadas do lado de fora. Ele urrava de tanto tesão que estava sentindo. Não aguentei o que estava vendo e acabei gozando na minha punheta enquanto assistia minha mulher ser fudida. 

Quando terminei guardei meu pau de novo e fui pra fora de casa. Nesse dia eu dormi num hotel e voltei no outro dia como se nada tivesse acontecido. Coloquei depois uma câmera escondida no meu quarto e fico sempre assistindo minha mulher ser comida por ele enquanto viajo. 

contos eróticos


By - Sheillaxv

Comentários