Ensinei minha filha a chupar gostoso uma buceta

Sou separada do pai da minha filha há 15 anos. Meu último relacionamento foi com uma mulher 5 anos mais velha e com o dobro de problemas. Tenho uma filha do meu primeiro casamento de 19 anos. Me casei já bem velha com meu antigo parceiro; pai da minha filha. 



Me chamo Valéria, atualmente tenho 44 anos e trabalho como professora numa escola estadual. Minha filha se chama Carol, uma garota linda, alta;magra...bundão, um corpo de dar inveja. Não sendo exibida, mas a garota puxou todinha a mãe.

Ela morava com o pai no interior, mas veio passar um tempo comigo por causa da faculdade. Não que eu esperava trepar com minha filha, jamais planejei isso. Apenas aconteceu... no dia estávamos rindo bastante contando nossos relacionamentos uma pra outra. 

Em um momento a conversa foi ficando um pouco mais picante e quanto mais cachaça eu bebia mais excitada eu ficava. Percebi que ela estava mexida com a situação também, pois a cada momento ela se mostrava cada vez mais incomodada com sua buceta. Toda hora ela enfiava os dedos na buceta como se tivesse tirando a calcinha de dentro da bunda. 


Perguntei se estava tudo bem e ela disse que sim, até que um assunto meio constrangedor veio a tona e percebi sua timidez, tentei fazer a situação ficar mais tranquila fazendo cócegas em sua barriga...mas acho que fui além da conta ao tocar em seus seios sem querer. 

Aconteceu duas vezes seguidas, na terceira eu já não estava mais me segurando... virei o olhar esperando amenizar, mas fui surpreendida com um beijo molhado... que filha da puta, aquilo tinha um tanto de medo misturado com um tesão do caralho que eu tava sentindo. 


Minha buceta nunca ficou tão molhada quanto estava ali naquele momento com minha filha. O clima não ajudava muito, tudo dava sinais pra fazer a gente trepar ali. Quando dei por mim já estava agarrada na Carol. Eu não acreditava que estava enfiando minha mão dentro da calcinha dela. 

Que buceta era aquela...molhadinha. Meu dedo até escorregava enquanto eu dedilhava sua xota. Resolvi terminar o que comecei e desci meus lábios pelo seu corpo até chegar em sua buceta. Já sem roupa eu abri suas pernas e fudi sua bucetinha com minha língua. Seu primeiro orgasmo veio com minha cabeça no meio das suas pernas e minha boca sugando seu grelo. 



Quando senti que ela estremeceu eu a soltei... me levantei e encarei por uns segundos até ela pedir pra fazer o mesmo comigo. Tentei ser relutante, mas a putinha sabia como convencer igual a mãe. Me deitei e fui conduzindo seus movimento enquanto ela me chupava.  Pra sua primeira vez; ela arrasou. Me fez gozar bem rapidinho. 


incesto contos eróticos


By - Sheillaxv

Comentários