Chupei a buceta da minha vizinha hetero curiosa

Me chamo Camila, tenho 20 anos. Sou bi...não que eu esteja me descobrindo agora pois sempre soube que eu era bissexual, mas ultimamente tenho deixado mais amostra minhas preferências sexuais, isso tem causado certo desconforto entre o pessoal da minha casa. 


Por causa disso tenho passado mais tempo fora de casa e quando em casa eu fico mais no quarto. O problema de ficar no quarto é que tenho uma vizinha que sempre foi bem gostosinha. Ela tem 25 anos, é casada e tem um puta de um rabão. 

Sempre fiquei olhando de longe o quanto aquela mulher é gostosa. Nunca tentei nada afinal ela era casada e eu não era assumida. Mas depois que me revelei para minha família ela ficava arranjando motivo pra eu ir até a casa dela. 

As primeiras vezes era pra ajudar ela com o computador novo que ela tinha comprado. Passei o dia todo na casa dela naquele dia, foi muito bom. Das outras vezes a gente já tinha pegado intimidade e eu só ia por ir mesmo. 

Certa vez eu revelei pra ela que eu ficava vendo da janela as vezes que ela trocava de roupa. Não sei porque disse aquilo só fiquei com vontade. Depois me arrependi, pensei que ela ficaria brava comigo, mas pra minha surpresa ela somente riu e me deu um tapinha no braço. 

Eu também repeti o gesto e mudei de assunto, mas do nada ela me fez uma pergunta bem íntima. Ela me perguntou se eu já tinha ido pra cama com alguma mulher. Claro que eu não tinha ido muitas vezes, mas queria pagar de entendida pra ela e respondi que sempre tem uma. 


Percebi sua curiosidade e soltei uma piadinha... eu balbuciei que sempre que ela quiser eu estaria aqui. Rimos até que ficou tudo meio esquisito...acabei voltando pra casa naquele dia morrendo de vontade de dar um beijo na sua boca. Mas me controlei ao máximo que pudia, ela era casada e eu tinha que esquecer aquilo.


O tempo foi passando e cada vez ficávamos mais íntimas, chegou ao ponto do marido dela ir viajar a trabalho e ela me chamar pra ir dormir com ela pra ela ão ficar sozinha em casa. É claro evidente que eu sempre ia, dormíamos juntas nessas noites.

Foi em uma dessas madrugadas que assistindo filme na casa dela demos nosso primeiro beijo. Foi super sem querer, ela estava deitada bem perto de mim, a gente conversava umas putaria quando do nada ela virou pra mim e me encarou de vez. Não aguentei e tive que tentar... achei que ela ficaria brava mas fui bem correspondida.

Aquela filha da puta tinha os lábios mais deliciosos que já beijei. Seu beijo era quente, sua pele macia... e os bicos do peito dela ficando durinhos por baixo da roupa de dormir que ela usava me deixava com muito tesão. Tentei ir com calma, mas não aguentei.

Quando dei por mim eu já estava apalpando os peitos daquela minha vizinha gostosa. O problema é que ela deixava e correspondia, por isso meu tesão aumentava. Minha buceta já piscando por baixo da calcinha me deixava toda molhada. 

Eu estava louca pra chupar sua bucetinha e sentir seu cheiro que tentei não perder tempo e fui beijando seu corpo em direção a sua buceta. Quando cheguei eu mal conseguia parar de chupar aquela bucetinha. 



Era tão gostosa que minha língua não cansava de chupar. Ela estava toda molhada e eu conseguia sentir com minha língua o seu grelo gostoso latejando de tesão. Comecei a chupar aquela safada enquanto ela me forçava contra sua buceta. 


Ficamos naquela sacanagem por uns 20 minutos até ela gozar e trocarmos de posição. Pensei que ela iria agir feito uma passiva sacana, mas a putinha caiu pra dentro da minha buceta que me chupou até me fazer gozar na boca dela. 


Desfalecemos na cama sem roupa até amanhecer o dia. Tivemos que nos vestir rápido pois o marido dela estava prestes a chegar e o cheiro do quarto dela só cheirava a gozo de mulher. Foi a melhor noite da minha vida. Depois disso ela se tornou minha mulherzinha nas horas vagas.

Chupando buceta


By - Sheillaxv

Comentários